Rand, moeda forte?

20 12 2009

Uma das perguntas mais frequentes feitas por quem está de viagem marcada para a África do Sul é sobre qual moeda levar. Por muito tempo o Dólar foi a melhor opção. E, no final dos anos 90, com o fortalecimento da União Europeia, o Euro passou a ser uma boa escolha.

Mas devido à proximidade da Copa do Mundo de 2010 e ao aumento do número de voos entre o Brasil e a África do Sul, a moeda sul-africana, o Rand, passou a ser encontrada com facilidade na maioria dos bancos e casas de câmbio. A cotação é favorável em relação ao real. E, ao comprar rands no Brasil, o viajante elimina algumas taxas de serviços, já que não é necessário trocar moedas duas vezes (de real para dólar e depois para rand).

Há cerca de dois anos, para comprar alguns rands em uma casa de câmbio do Aeroporto Internacional de Cumbica era necessário solicitar uma reserva antecipada da moeda. Hoje em dia, mesmo as casas de câmbio dos shoppings de São Paulo têm uma reserva de notas que garante a comodidade na hora da troca.

Casa de Câmbio em um shopping de São Paulo anuncia o “Rande”.

O VALOR DO RAND

Sempre digo que o custo de vida na África do Sul é um dos grandes atrativos do país. E é, provavelmente, um dos meus favoritos.

Por exemplo, um real equivale a 4.20 rands. O que dá para fazer com 4 rands? Tomar uma coca-cola ou um café no Vida e Caffé (espécie de Starbucks sul-africano) e ainda receber cerca de 40 centavos (em rands) de troco.

Alguns amigos acham que eu exagero na conversão. Não é verdade. Para provar, vou dar um outro exemplo. Pense quanto você gastaria para jantar em um restaurante refinado, no ponto turístico mais badalado da sua cidade, saboreando um menu de três pratos (entrada, prato principal e sobremesa), com direito a uma garrafa de vinho, água, café etc.?

Em Cape Town, no famoso Victoria & Alfred Waterfront, lugar preferido de 11 em cada 10 brasileiros que visitam a cidade, você irá gastar, em média e por pessoa, 30 reais para jantar em um dos ótimos restaurantes do píer.

Fora da “zona turística”, em bairros agitados como Green Point e Sea Point, o turista gasta ainda menos para comer em ótimos restaurantes. Eu costumo ir a um de comida contemporânea, que serve pratos com influência africana, na badalada Long Street, e gasto cerca de 18 reais no jantar, inclusive quando tomo vinho! – praticamente todos os dias quando estou na África do Sul.

Não sei se em algum lugar do Brasil tomamos um expresso ou um refrigerante por 80 centavos de real ou se há bons restaurantes tão acessíveis. Se alguém souber, me informe as direções!

PEQUENO DICIONÁRIO (sul)AFRICANO

Victoria & Alfred Waterfront = Complexo de hotéis, shoppings, restaurantes e bares (conta também com atrações como cinema e aquário) instalado em um porto de Cape Town. A área, antes degradada, tornou-se um dos principais pontos turísticos da cidade.

O conceito de Waterfront, muito parecido com o utilizado em Puerto Madero (Buenos Aires), é explorado também em outras cidades sul-africanas como Port Elizabeth, Durban, Knysna e Johannesburg. No entanto, nenhum outro tem a grandiosidade e a badalação do Victoria & Alfred, em Cape Town.

Green Point e Sea Point = bairros de Cape Town, próximos ao Victoria & Alfred Waterfront,
banhados pelo oceano Atlântico.

Green Point é o mais agitado. Lá está instalado o Cape Quarter, espécie de galeria com muitos restaurantes que é frequentado principalmente pelos sul-africanos.

Long Street = uma das ruas mais conhecidas da cidade repleta de bares, restaurantes e casas de espetáculo.

Vida & Caffé = rede de cafés sul-africana, com inspiração portuguesa, espalhada nas principais cidades da África do Sul.

Erik Sadao

Anúncios

Ações

Informação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: